Paises Que Importam Eletronicos Do Brasil?

  • Em 2019, os 5 países que mais importaram produtos do Brasil foram: 1º China Em 2019, o volume importado do Brasil pela China movimentou um total de US$ 63,3 bilhões. O valor representa uma queda de 0,9% em comparação com o ano anterior.

Quais países dependem do Brasil?

Quais os países que mais importam do Brasil?

  • China. Com volume de 46,2 bilhões de dólares em importações, a China também lidera o ranking dos países que mais importam do Brasil.
  • Estados Unidos.
  • Holanda.
  • Argentina.
  • Chile.

Qual o país que mais compra do Brasil?

1º China

  • Soja – 32%
  • Óleos brutos de petróleo – 24%
  • Minérios de ferro e seus concentrados – 21%

Quais são os países que mais importam do Brasil?

O que os principais países mais importam?

  • China. A China é o principal importador de produtos brasileiros.
  • Estados Unidos. Os Estados Unidos é um de nossos maiores parceiros comerciais, sendo o segundo maior importador.
  • Países baixos.
  • Argentina.
  • Japão.
  • Chile.
  • México.
  • Alemanha.

Qual o principal produto de exportação do Brasil?

Os 10 produtos mais exportados pelo Brasil em 2020 foram:

  • Soja.
  • Óleos brutos de petróleo ou de minerais betuminosos.
  • Minério de ferro e seus concentrados.
  • Óleos combustíveis de petróleo ou de minerais betuminosos.
  • Carne bovina fresca, refrigerada ou congelada.
  • Celulose.

Qual é o maior exportador do Brasil?

No fechamento de 2019, segundo dados divulgados pelo MDIC, os produtos mais exportados pelo Brasil foram:

  • 1º Soja.
  • 2º Petróleo.
  • 3º Minério de ferro.
  • 5º Milho.
  • 6º Carne bovina.
  • 7º Carne de aves.
  • 8º Farelo de soja.
  • 10º Açúcares e melaços.
You might be interested:  Profissões Que Passaram A Existir Depois Da Eletricidade?

Para quem mais exportamos?

Os Estados Unidos aparecem em segundo lugar, seguido de Argentina, Países Baixos (Holanda) e Chile. Alemanha, Espanha, México, Japão e Índia fecham a lista dos top 10 países para os quais o Brasil mais exporta, conforme dados do Ministério da Economia Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *