Todos nós já ouvimos falar num destes três termos. Eu próprio fazia confusão sobre o que era cada um deles, quando dava os primeiros passos pela Internet. Mas afinal o que é um feed? E o que é um RSS? Ou o que é uma newsletter? Neste artigo vou explicar de forma resumida o que são estes três termos, que estão de uma certa forma interligados.

O que é um Feed?

Exemplo de um logotipo de um Feed Feed é um termo em Inglês, que significa “alimentar”. Um feed é o conteúdo de um site resumido num ficheiro (em formato RSS por exemplo), capaz de ser reconhecido por programas, também chamados de agregadores de feeds, que fazem a conversão desse ficheiro em texto, em formato perceptível ao leitor. A maior parte dos browsers mais recentes, já permitem também a leitura de feeds.

A maior parte dos sites e blogues dispõem de um feed, no qual os leitores se podem inscrever, para assim receber as suas actualizações, sem a necessidade de recorrer a esse mesmo site regularmente. Podemos por isso, através dos tais programas de leitura de feeds, como o Google Reader ou o Newsfire por exemplo, ter sempre disponibilizado o conteúdo actualizado de vários sites ao mesmo tempo e em tempo real. É uma forma prática de, num só local, termos todas as actualizações dos nossos sites e blogues favoritos, sem termos que recorrer a eles diariamente, para saber se colocaram ou não um novo artigo. Julgo importante referir que assim que nos inscrevemos num RSS de determinado site são normalmente apresentadas várias opções de leitores de feeds, para escolhermos aquele que usamos habitualmente.

O que é o RSS?

Exemplos de alguns ícones RSS

RSS é o formato do ficheiro que é gerado automaticamente por um site, ficheiro esse que é actualizado sempre que é criado um novo artigo. Este ficheiro RSS (do inglês Really Simple Syndication) é um formato com um padrão igual para todo o mundo, que se guia por uma linguagem XML (do inglês Extensible Markup Language) e é interpretado pelos tais leitores de feeds, que são também chamados de Leitores RSS. Pode-se então dizer que num ficheiro RSS existe linguagem XML.

Num ficheiro (ou arquivo) RSS existem algumas informações sobre o site, tais como o título do site, o título e endereço específico do novo artigo, a data de criação, o autor, entre outros. Existem ainda sites que disponibilizam os ficheiros RSS de todos os comentários dos artigos, algo também muito apreciado por alguns leitores.

A maior parte dos sites e blogues que actualizam o seu conteúdo regularmente, dispõem do famoso ícone (exemplos na imagem à direita), normalmente de cor laranja e apresentado na parte superior direita de um site, que representa o RSS ao qual nos podemos inscrever. Imagine que diariamente consulta 5 ou 6 endereços de Internet para ver as novidades noticiosas. Não seria bem mais prático poder ver toda essa informação num só local?

A título de curiosidade, o formato RSS (versão 0.9) surgiu em 1999, chamando-se na altura de formato RDF e foi criado por Dan Libby, da conhecida Netscape.

O Tecnologia do Globo dispõe de RSS dos artigos
e RSS dos comentários.

O que é uma newsletter?

Newsletter Pode-se dizer que uma newsletter (termo inglês que designa um boletim informativo) é algo semelhante a um Feed, mas que não é propriamente gerada de uma forma automática e é recebida, por exemplo, através do email do leitor. Alguns autores de sites, fornecem o conteúdo do mesmo através de email ou mensagens no telemóvel, personalizado com as últimas novidades de artigos, apresentação de concursos ou ainda de publicidade. É uma forma mais completa de comunicação entre o autor do site e o leitor. Esta newsletter pode ser cancelada a qualquer momento, caso o leitor não esteja mais interessado em receber a informação de determinado site.

O Tecnologia do Globo dispõe também de uma Newsletter, na qual poderá fazer a sua inscrição para a receber por email regularmente. Basta colocar o seu nome e email e confirmar o email que lhe será posteriormente enviado, para passar a receber todas as novidades, artigos e surpresas directamente no seu email.